contact@aopi.org Tuesday - December 12,2017

Cimeira EUA/África - 2014


Cimeira EUA/África - 2014

 

 

CIMEIRA ESTADOS UNIDOS-AFRICA 2014

Com o lema de “Investir na Nova Geração”, a  edição de 2014 da conferencia anual, conta a presença de líderes políticos de cada País Africano, bem como dos Estados Unidos de América para debater formas de melhorar a cooperação entre a potência mundial (EUA) e o continente Africano.

Entre os vários pontos na agenda extensa do encontro, alguns dos pontos declarados incluem:

  • Terrorísmo e Complexidade da Segurança em África
  • Boa Governação e Democracia
  • Investimento na Segurança Alimentar
  • Tráfico de Animais e derivados
  • Investimento na Saúde Africana
  • Investimento na Mulher para Paz e Prosperidade 

Espera-se que os Estados Unidos tome uma posição firme na sua tentativa de resgatar a relação estreita que teve com África que nos últimos anos parece ter perdido terreno para a China – pelo menos no que diz respeito a cooperação financeira e negócios em geral, tendo em conta o volume de investimento de infraestrutura e outros negócios entre o continente e a China.

É um evento que Chefes de Estado normalmente não querem perder. Armando Guebuza, presidente de Moçambique já confirmou a sua presença em Washington, naquela que poderá ser a sua última participação na Cimeira como Presidente – uma vez que aproxima-se o fim do seu mandato. Teodoro Obiang também já se deslocou a Washington D.C, Estado anfitrião para a edição de 2014, onde foram convidados 47 Estados Africanos.

Enquanto em Cabo Verde debate-se ainda quem deverá representar a nação na cimeira, Jorge Carlos Fonseca ou José Maria Neves. Em Angola está claro, o Vice Presidente Manuel Vicente representará o Estado.

Grupos de pressão como a ONG Human Rights Watch já fizeram o seu apelo ao Presidente Norte Americano Barack Obama para não perder a oportunidade de se pronunciar sobre estado inaceitável da corrupção em África, em particular na Guiné Equatorial.

A Angola Open Policy Initiative está a acompanhar de perto e vai apresentar um balanço da Cimeira na próxima sexta-feira, 8 de Agosto no programa de Rádio Ritmo Africano (uma parceria com a Rádio UnIA).

 

 

COMENTÁRIOS