contact@aopi.org Friday - December 14,2018

Mota-Engil ganha obras de 420 milhões de euros em África


Mota-Engil ganha obras de 420 milhões de euros em África

A Mota-Engil África, subsidiária da construtora portuguesa Mota-Engil, obteve novos contratos no continente africano no valor de 420 milhões de euros, ou 518 milhões de dólares, informou o grupo em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Segundo a Mota-Engil, cerca de metade do montante objecto de adjudicação refere-se a contratos com entidades públicas, "encontrando-se a respectiva fonte de financiamento devidamente identificada".

Do valor agora anunciado, a maior fatia foi conseguida em Angola, com encomendas de 343,9 milhões de dólares. A Mota-Engil conquistou ainda novos contratos de 86,4 milhões de dólares em Moçambique e de 88 milhões de dólares no Malawi, segundo o comunicado à CMVM.

A Mota-Engil África é controlada pelo grupo Mota-Engil e entrou este ano em bolsa, após a decisão da construtora portuguesa de concentrar numa "holding" autónoma os seus negócios em África.

Nos primeiros nove meses deste ano a Mota-Engil África obteve receitas de 840 milhões de euros e um lucro de 93,2 milhões de euros. O grupo opera numa dezena de países africanos, nomeadamente Angola, Moçambique, Malawi, Cabo Verde, São Tomé e Príncipe, Gana, África do Sul, Uganda, Zâmbia e Zimbabwe.


Fonte: Portugal Digital

COMENTÁRIOS